dedicação pela vida

Lenço Solidário emociona e renova sentimento de esperança em assistidos da Abrace

LencoSolidarioEvento

É fato que uma só palavra não consiga expressar o que foi a entrega dos lenços solidários, que aconteceu junto aos assistidos da Abrace no Hospital da Criança de Brasília José Alencar. Força? Fé? Coragem? Emoção? Digamos que uma explosão de todos estes sentimentos exprimidos em cada um dos rostinhos das crianças e mães que estavam ali. A ação Lenço Solidário, uma parceria entre a agência de comunicação Fields 360º e Abrace, promoveu na última sexta-feira (8), a entrega de lenços com mensagens de superação, escritos por ex-pacientes que venceram a doença, para crianças em tratamento. 

O evento teve início com o discurso da oncohematologista pediatra do HCB, Dra Ísis Magalhães, e depois, o discurso da presidente da Abrace, Ilda Peliz. "Sentimos muita alegria por sermos esse ponto de ligação, unindo pequenos guerreiros e pessoas com contextos tão diferentes. Apesar de muitos não se conhecerem, existe um laço que nos une. Alguns ainda estão em tratamento, outros são exemplo de que toda essa dificuldade é apenas uma fase. Para quem já viveu esta luta, é uma oportunidade de celebrar a vida e compartilhar com os outros essa vitória. Para quem ainda encara a rotina do tratamento, eu peço que olhem para todos estes lenços expostos e tenham esperança. Em breve, serão vocês que contarão suas histórias de sucesso", diz Ilda.

Em seguida, 24 lenços foram entregues para as crianças. E não era só mais um adereço, mas um símbolo de esperança, felicidade e carregado de carinho. “A forma como, tanto a criança quanto a família, se coloca diante da doença é muito importante”, garante a médica oncologista e ex-paciente Andréia Barcelos.  

E é por isso que a entrega dos lenços arrancou lágrimas das crianças, pais, médicos e de todos que passavam pelo hall do hospital. O lenço representa a força para o enfrentamento da doença e a vontade de viver. Foi um momento muito forte, marcante e as crianças ficaram renovadas com sentimento de otimismo. 

LencoSolidarioEvento 3

No final, um debate deu espaço para que as crianças fizessem perguntas para os convidados que foram ex-pacientes. Esses convidados falaram sobre as dificuldades que encontraram durante o tratamento e como eles superaram o câncer.

Muito esperto, Tiago Oliveira Lopes diagnosticado com astrocitoma, fez a primeira pergunta: “Vocês tiveram medo do câncer?”. 

A resposta partiu da convidada Ruskaya Zanini. “Sim, o medo existe. Mas quando você o encara e alimenta o sentimento de esperança, confiante de que pode ser curado, este processo é muito mais rápido”, conta. 

A mãe Elisângela de Souza questiona: “Vocês sofreram preconceitos na escola? Eu pergunto porque meu filho Dênis, sofreu”. A ex-paciente Adrielly Demschinski, responde: “Eu fiquei muito feliz quando voltei a escola. O modo como os amigos nos tratam precisa ser especial porque faz diferença para a gente. Eu comprei meu material escolar enquanto estava em tratamento e guardei porque sabia que ficaria boa”, revela. 

LencoSolidarioEvento 2

Ao final, um vídeo com palavras de positividade do atleta Oscar Schimdt foi exibido. Outros lenços estão em exposição no hospital até o dia 15 de abril e também já estão disponibilizados em um hotsite, onde poderão ser adquiridos de forma virtual. Ao comprar as mensagens do lenço, o internauta, além de visualizar a história completa e emocionante do personagem da mensagem, contribuirá com doações para a Abrace.  

Acesse o HotSite:http://lencosolidario.com.br/

É fato que uma só palavra não consiga expressar o que foi a entrega dos lenços solidários, que aconteceu junto aos assistidos da Abrace no Hospital da Criança de Brasília José Alencar. Força? Fé? Coragem? Emoção? Digamos que uma explosão de todos estes sentimentos exprimidos em cada um dos rostinhos das crianças e mães que estavam ali. A ação Lenço Solidário, uma parceria entre a agência de comunicação Fields 360º e Abrace, promoveu na última sexta-feira (8), a entrega de lenços com mensagens de superação, escritos por ex-pacientes que venceram a doença, para crianças em tratamento.

O evento teve início com o discurso da oncohematologista pediatra do HCB Dra Ísis Magalhães e depois, com o discurso da presidente da Abrace Ilda Peliz. "Sentimos muita alegria por sermos esse ponto de ligação, unindo pequenos guerreiros e pessoas com contextos tão diferentes. Apesar de muitos não se conhecerem, existe um laço que nos une. Alguns ainda estão em tratamento. Outros são exemplo de que toda essa dificuldade é apenas uma fase. Para quem já viveu esta luta, é uma oportunidade de celebrar a vida e compartilhar com os outros essa vitória. Para quem ainda encara a rotina do tratamento, eu peço que olhem para todos estes lenços expostos e tenham esperança. Em breve, serão vocês que contarão suas histórias de sucesso", diz Ilda.

Em seguida, 24 lenços foram entregues para as crianças. E não era só mais um adereço, mas um símbolo de esperança, felicidade e carregado de carinho. “A forma como, tanto a criança quanto a família, se coloca diante da doença é muito importante”, garante a médica oncologista e ex-paciente Andréia Barcelos. 

E é por isso que a entrega dos lenços arrancou lágrimas das crianças, pais, médicos e de todos que passavam pelo hall do hospital. Porque o lenço representa a força para o enfrentamento da doença e a vontade de viver. Foi um momento muito forte, marcante e as crianças ficaram renovadas com sentimento de otimismo.

No final, um debate deu espaço para que as crianças fizessem perguntas para os convidados que foram ex-pacientes. Esses convidados falaram sobre as dificuldades que encontraram durante o tratamento e como eles superaram o câncer.

Muito esperto, Tiago Oliveira Lopes diagnosticado com astrocitoma, fez a primeira pergunta: “Vocês tiveram medo do câncer?”.

A resposta partiu da convidada Ruskaya Zanini. “Sim, o medo existe. Mas quando você encara de frente e alimenta o sentimento de esperança, confiante de que pode ser curado, este processo é muito mais rápido”, conta.

A mãe Elisângela de Souza questiona: “Vocês sofreram preconceitos na escola? Eu pergunto porque meu filho Dênis, sofreu”. A ex-paciente Adrielly Demschinski, responde: “Eu fiquei muito feliz quando voltei a escola. O modo como os amigos nos tratam precisa ser especial porque faz diferença para a gente. Eu comprei meu material escolar enquanto estava em tratamento e guardei porque sabia que ficaria boa”, revela.

Ao final, um vídeo com palavras de positividade do atleta Oscar Schimdt foi exibido. Outros lenços estão em exposição no hospital até o dia 15 de abril e também já estão disponibilizados em um hotsite, onde poderão ser adquiridos de forma virtual. Ao comprar as mensagens do lenço, o internauta, além de visualizar a história completa e emocionante do personagem da mensagem, contribuirá com doações para a Abrace. 

 

Acesse o HotSite: http://lencosolidario.com.br/
by acls us
Abrace

Endereço:

QE 25, Área Especial I
CAVE. Guará II
Brasília - DF
CEP: 71025-015.
Abrace Saiba como chegar