dedicação pela vida

McDia Feliz e as placas fotovoltaicas


O que são e para que servem essas placas?

O objetivo do McDia Feliz este ano é arrecadar recursos para a instalação das chamadas placas fotovoltaicas. Mas aí você para, e pergunta: O que é isso e para que serve? Pois então, essas placas são diferentes daquelas que a gente costuma ver instaladas nos telhados de casas por aí. Aquelas são usadas apenas para esquentar a água. A energia do sol é transformada em calor diretamente.

As placas que a Abrace visa instalar na sede, no Guará, vão gerar energia elétrica de verdade. A ideia é espalhar as placas por todos os telhados do local. Com esse grande espaço de captação da luz solar e a maior incidência dos raios do sol em alguns meses do ano, vão fazer com que a Abrace possa suprir seu consumo mensal, que é, em média, de R$ 8 mil. “Durante alguns períodos do ano, as placas vão produzir até mais energia do que Abrace precisaria. Assim, vamos gerando energia e ficando com um crédito junto à CEB, a Companhia de Energia de Brasília. Quando precisarmos usar, vamos descontando dessa ‘gordurinha’ que gerarmos”, explica o engenheiro elétrico Maurício de Nassau Parreira, voluntário da Abrace e que participou da elaboração do projeto.

OK, mas o que isso tem a ver com o tratamento do câncer das crianças? TUDO! A economia gerada por essas placas pode chegar a R$ 100 mil por ano. Já pensou em quanto remédio, cestas básicas, próteses e órteses podem ser comprados com esse dinheiro? Sem ter que pagar uma conta de energia elétrica tão alta, é possível usar os recursos para investir na qualidade de vida das crianças assistidas.

A aquisição do equipamento para produção de energia elétrica solar custa cerca de R$ 580 mil, mas o projeto todo custa R$ 700 mil, já com a adaptação da rede elétrica da Abrace. “Mas a ideia não é só economizar recursos, outro eixo muito importante é a sustentabilidade. O meio ambiente hoje, é foco de inúmeras ações internacionais para ser protegido e preservado e, utilizando fontes renováveis de energia elétrica, a Abrace contribui para um mundo mais verde”, afirma o diretor de Captação de Recursos, José Antônio da Cunha Haag.

E as placas ainda colaboram na incidência de câncer. Como assim? É bem simples de entender: a poluição atmosférica é cancerígena, isso é fato já comprovado por várias pesquisas da Organização Mundial da Saúde (OMS). São muitos os gases tóxicos que compõe o ar das áreas urbanas, principalmente, hoje em dia, como dióxido de carbono (CO2). Se a gente investe em fontes de energia renováveis, evita que mais de meia tonelada de CO2 seja lançada na atmosfera. Contribuindo para diminuir a poluição do meio ambiente, consequentemente, a Abrace ajuda a reduzir os índices de câncer.

Só que para tudo isso acontecer, a instituição tem o desafio de vender quase 40 mil tíquetes de Big Mac. E você, já comprou o seu? Cada um custa R$ 15,50 valor que será investido para esse projeto. Vamos ajudar? Ligue na Central de Doações da Abrace e participe: 3212-6000. 

by acls us
Abrace

Endereço:

QE 25, Área Especial I
CAVE. Guará II
Brasília - DF
CEP: 71025-015.
Abrace Saiba como chegar