dedicação pela vida

Abrace: um ombro amigo para desabafar e ajudar a caminhar

Instituição acompanha passo a passo o tratamento de assistidos.

“Desde o começo do tratamento até agora, de todas as vezes que precisamos de alguém para desabafar e para nos ajudar a caminhar foi com a Abrace que pudemos contar. Com ela, encontramos todo o apoio e assistência que necessitamos”, revela Vitória Nascimento, 18 anos.

A forma como a jovem descobriu que tinha um câncer nos olhos impressiona: “Tinha apenas 5 anos, deitei para dormir e, quando acordei, um dos meus olhos estavam inchados. Fui para o hospital, me pediram uma tomografia e veio o diagnóstico: um tumor”.

A partir daí a vida da Vitória mudou. Ela teve de passar quase um ano internada no Hospital de Base até descobrirem qual era o tipo do tumor: um rabdomiossarcoma de órbita, um câncer que se desenvolve em células musculares. Como a adolescente mora em Ceilândia-DF, não precisou ficar hospedada na Casa de Apoio da Abrace, mas, desde o diagnóstico, passou a receber ajuda da instituição.

Vitória tratamento.jpg editada

“Tudo que eu e minha família precisamos, como remédios e assistência psicológica, tivemos. Foi então que, no fim de 2004, passei por uma cirurgia para retirar o tumor. Depois, fiz quimioterapia no Hospital de Apoio, em Brasília, porque ainda não existia o Hospital da Criança de Brasília José de Alencar (HCB). Tive que viajar para São Paulo para sessões de radioterapia e ainda fiz um transplante de córneas. Aos 7 anos de idade passei por mais quatro cirurgias para corrigir as sequelas da radioterapia. Em cada uma dessas etapas a Abrace estava ao nosso lado inclusive, comprou as passagens para minha mãe e eu irmos para São Paulo e conseguiu uma Casa de Apoio para nos hospedarmos”.

Hoje, a Vitória está fechando um ciclo de...vitórias! Há 11 anos ela pode se considerar livre da doença! Ao longo desse tempo, continuou fazendo visitas periódicas com os médicos do HCB para monitorar a evolução de seu corpo. Agora, ela recebe apenas um colírio para manter os olhos hidratados e já espera ansiosamente pela cirurgia que vai fechar o ponto lacrimal para que a mocinha não precise usar nem esse colírio.

Ah, falta contar também uma novidade: Vitória agora é mãe da Isabela, que tem 1 ano! E para encerrar, ela deixou um recadinho: “Eu e minha mãe somos eternamente gratas a Abrace”.

 

by acls us
Abrace

Endereço:

QE 25, Área Especial I
CAVE. Guará II
Brasília - DF
CEP: 71025-015.
Abrace Saiba como chegar